7.4.11

Depois do último post...

Já tanto aconteceu....

O "Duas Irmãs" e o "Músicas de Cena" correu muito bem e o concerto no dia 30 na Galeria do Desassossego foi fantástico, com casa bem cheia e muito divertido.

Entretanto tivemos cerca de 250 meninos a ver o "Partida, Lagarta, Fugida!" na Casa da Cultura nas manhãs dos dias 29 e 30 de Março.

No dia 30 fomos ao Estabelecimento Prisional de Beja, dar um atelier a 18 reclusos.

Dia 5 (esta terça) estivemos em Castro Verde com o "Partida" e com o "Duas Irmãs".
Mais tarde havemos de postar fotografias dos eventos, as conclusões do debate "A Cultura em Beja - Que Caminhos?" e um apanhado do que foi o Março em Teatro.

Para já, o que temos é: "O Cabotino" no Pax Julia, às 22h. Hoje, amanhã e depois.



Sinopse


Um espectáculo de bastidores na verdadeira acepção do termo: do que é íntimo, do que nunca é mostrado, de tudo o que está por detrás e não queremos que seja visto, do que é peculiar, das dinâmicas de funcionamento, do que causa embaraço, do que nos faz sentir, às vezes, menos gente. A vida dos actores – o que quer que isso seja – posta em perspectiva. O que há de (in)comum?

Se é verdade que as vivências do actor são sempre uma das suas grandes ferramentas de trabalho, neste caso, o mais certo é que o tomem de assalto. Este será um espectáculo em que realidade e ficção, mais do que se confundirem, complementam-se, inevitavelmente. Estes somos nós. E é de nós que o teatro se faz.


Rui M.Silva


Sem comentários: